5 erros de iniciantes na router cnc

Muitos hobbistas, se interessam e acabam adquirindo ou montando a sua própria Router CNC, mas por falta de experiência, acabam também cometendo erros básicos que podem estragar seus projetos e gerar uma gigantesca decepção. Hoje vamos falar sobre os principais erros que os iniciantes cometem quando operam uma Router.



1º erro


O 1º e um dos erros mais básicos é não nivelar a mesa de forma correta. Não é necessário nivelar a cada corte ou todos os dias, mas sempre ter uma rotina de limpeza e cuidados com a máquina e com a mesa de sacrifício, podem fazer toda a diferença. O que acontece é que as mesas de sacrifício ou mesas de corte, muitas vezes são feitas com MDF, porém, ainda que nunca haja uma furação ou um corte que desgaste a mesa, o MDF ainda é um material que absorve muito umidade, portanto, sem nenhum erro na máquina, o material pode expandir ou estufar em determinados pontos, que mesmo que pequenos, podem gerar desníveis para a peça que será cortada, portanto, podem gerar erros no corte. O ideal é constantemente, de forma rotineira, sempre limpar a mesa, deixando-a nivelada e sem chances de que um inchaço cause problemas em seus cortes.

Aqui na PD, nós muitas vezes usamos o MDF Ultra, que por ter um aditivo especial em sua composição, absorve menos água e portanto, passa uma segurança maior para o operador da máquina quando um projeto será realizado.


2º erro


O 2º principal erro, é o uso de fresas erradas em um corte. Isso pode atrapalhar desde o acabamento, até mesmo ocasionar em peças que levantam e portanto, acabam perdendo sua utilidade, afinal, estarão todas deformadas. De um modo geral, esse é um erro que gera bastante aprendizado, e com atenção, aprende-se bastante sobre qual o tipo de corte, por exemplo, se será um corte up ou down, a espessura da fresa, o tipo de ponta devem ser usadas em quais situações. No nosso canal do YouTube, tem um vídeo específico sobre os tipos de fresas e como elas funcionam nos materiais, desde o acabamento, até mesmo em sua eficiência.


3º Erro


O 3º erro, bem comum é o erro ou a falta de atenção na fixação do material de corte. A movimentação lateral é a mais simples de se conter, necessitando basicamente de alguns pins ou qualquer material preso a mesa, que se torne um limitante de movimentação. Porém, antes de iniciarmos qualquer coisa, precisamos voltar para o segundo erro e pensar como o material vai se comportar com determinada fresa, afinal, nem sempre a peça vai se mover lateralmente. Dependendo do material, ele pode até mesmo subir, acompanhando o movimento de rotação da fresa, podendo ser um risco para o operador e para o projeto como um todo. Portanto, mesmo que seja necessário revisar algumas vezes, colocar pesos em cima da peça ou até mesmo ficar de pé em cima da peça, certifique-se de que está tudo bem preso e não haverá nenhuma movimentação no material de corte.


4º erro


Não dar o espaçamento correto das peças é o 4º erro e super comum. Quando damos espaçamento demais, o cavaco do material, pode deixá-lo livre demais para se mover, ou seja, pode deformar totalmente o projeto. De certa forma, esse erro, é muito ligado ao erro na fixação do material na mesa de corte, portanto, quando damos um espaçamento não muito grande, o pó do material cortado, gera uma pressão em volta do corte, segurando o material no mesmo lugar, sem muitos riscos de comprometer o projeto. Mas quando usamos fresas muito grandes, ou que joguem o cavaco para fora do corte, é aconselhável o uso de pontes que unam o produto cortado à chapa. O único lado negativo nisso é a necessidade de haver um corte manual nessas pontes com um formão e mais um processo de produção somente para dar o acabamento necessário para a peça.


5º erro


O último erro e um pouco mais complexo, é não se atentar quando são construídas peças de encaixe. A fresa, como todos sabemos é redonda e até aí, não vemos nenhuma novidade, porém, vez ou outra, o corte da peça que entrará na outra, é cortada por fora do desenho, ou seja, as pontas ficarão quadradas. Por outro lado, a peça na qual será feito o encaixe, será cortada por dentro do desenho, e falando no formato da fresa, o corte ficará com ponta arredondadas, ou seja, as duas não se encaixarão. Por isso, usamos os "bones" que são nada mais nada menos que um corte a mais nos vértices do material, que acabam por dar o espaço necessário para o encaixe um encaixe perfeito.

Quer saber mais sobre o mundo da produção digital? Siga-nos no Instagram e fique pode dentro de tudo o que rolar aqui na PD Studio! @pdstudio.com.br

13 visualizações0 comentário
Inscreva-se
Receba todas as novidades e promoções

CONTATO

contato@pdstudio.com.br

R. França Pinto, 83, Vila Mariana, São Paulo, SP

+55 11 5083 2808

Segunda a Sexta 9h - 18h

  • Instagram
  • YouTube

SERVIÇOS

TRABALHOS

© 2020 - PD Studio Arquitetura & Design LTDA - CNPJ: 29.800.301/0001-81