Qual compensado é ideal para o meu projeto?

Depois de falar sobre os MDFs, chegou a hora de falar sobre outra madeira industrializada muito requisitada e que passa por alguns processos similares de produção, o Compensado.



O Compensado por se tratar de uma madeira industrializada, que passa por diversos processos para alcançar o seu estado final, tem sempre um padrão de tamanho, sendo ele 2,20m x 1,60m, já as espessuras, como em vários outros materiais fica a critério do cliente. Para fazer uma chapa de compensado, a indústria costuma descascar o tronco, transformando-o em lâminas fracionadas já nas dimensões da chapa. Logo depois, as lâminas são sobrepostas com seus veios alternados com um tipo específico de cola entre cada uma delas e por fim, as chapas são prensadas, terminando assim o processo de fabricação de uma chapa de compensado. Uma curiosidade para quem não está acostumado com as madeiras, o compensado é composto sempre por um número ímpar de lâminas de madeira, ou seja, inicia-se com uma lâmina no meio e aos poucos vão sendo colocadas algumas em cima e outras embaixo da lâmina. Dentro das madeiras, o compensado é ótimo quando se trata de resistência física e mecânica, justamente pela sobreposição de madeira com os veios e fibras intercaladas, evitando que a madeira simplesmente venha a entortar ou se quebrar facilmente, mas é claro que em alguns casos pode vir a ocorrer fragilidades, principalmente quando se tratar de materiais de baixa espessura.


Um problema nas madeiras, mas que no compensado muitas vezes é presente, é o desnível do material. O Compensado em alguns casos pode chegar a ter até 0,5 milímetros de desnível, que não é grande coisa, mas pode atrapalhar o corte do projeto, por isso é interessante que se dê um "gap" de 0,6mm, entretanto, se você necessita de um compensado realmente na espessura desejada, ele precisa ser um Compensado Calibrado, que é um pouco mais difícil de se encontrar, mas que vai resolver o seu problema.


No mercado, normalmente encontramos 3 tipos de compensados, o naval, o comum e o sarrafeado.


COMPENSADO NAVAL e COMUM



Os compensados navais e os comuns são quase exatamente o mesmo tipo de madeira, porém, existe um pequeno detalhe que pode fazer toda a diferença no seu projeto. Quando falamos do Compensado Comum, as suas lâminas são unidas por uma cola chamada MR (composta por Ureia e Fenol) que é quase uma cola branca, porém não somente esteticamente. Quando submetido a água, o Compensado Comum muitas vezes sofre inúmeras variações e deformidades por conta de não ser um material que ter resistência à água ou impermeabilidade. Já o Compensado Naval, é unido por uma cola chamada WBP (composta por Formol e Fenol), que por sua vez é resistente à água e não vai desgrudar as lâminas de madeira e não sofrerá tanto quanto o Compensado Comum ao ter contato com a água.


COMPENSADO SARRAFEADO


O Compensado Sarrafeado é mais uma solução que a indústria criou para quem busca ainda mais resistência e durabilidade. Ele é composto por sarrafos de madeira unidos lateralmente e que por fim, recebem em suas faces, uma camada de lâmina do compensado, ou seja, acaba se tornando praticamente um painel da madeira escolhida, oferecendo muito mais resistência do que os compensados comuns.


ACABAMENTOS


Quando falamos sobre os acabamentos, entramos muito no gosto pessoal de cada indivíduo, ou seja, alguns preferem o material pintado, outros revestido com lâminas de madeira, outros com fórmica e outros até mesmo sem nenhum efeito decorativo além do verniz para a proteção do material, porém o Compensado normalmente é utilizado ou revestido ou natural com verniz, deixando as cores e os veios da madeira se destacarem, valendo lembrar que podemos ter compensados de diversas madeiras, como a de Pinus, que é super comum ou até mesmo de Cedro Rosa que é uma madeira, hoje, difícil de se encontrar e com um preço acima de outras opções. Então muitas vezes o acabamento está diretamente ligado ao tipo de madeira utilizado para a fabricação do compensado, porém, o preço também acaba seguindo o mesmo caminho.



Quer saber mais sobre o mundo da produção digital? Siga-nos no Instagram e fique pode dentro de tudo o que rolar aqui na PD Studio! @pdstudio.com.br

Posts recentes

Ver tudo